Na minha época…

Sempre achei engraçado quando, passando por algum lugar, meus pais diziam: Na minha época, isso aqui era bem diferente! Nunca imaginei que eu fosse falar algo parecido tão rapidamente…

Eu sei que todos nós estamos ficando velhos, mas precisava “jogar na cara”?

Sensacionalismo generalizado

Descobri hoje (bem atrasado!) que o brasileiro Raimundo Rucke foi premiado com o segundo lugar na edição de 2015 do concurso Ranan Lurie de cartuns políticos, promovido pela Organização das Nações Unidas (ONU):

rucke_premio_onu_2015.png
Fonte: Raimundo Rucke via Imprensa Pública.

Segundo o autor, o cartum é uma crítica ao que tem acontecido no mundo e também ao sensacionalismo da mídia.

Se ele achava isso quando idealizou o cartum em 2014, imagino o que pensa agora…

A cabeça de Pudim

As tirinhas de Armandinho são realmente muito boas. Elas defendem conceitos e ideias valiosos de uma maneira não apenas lúdica, mas também delicada… De certa maneira, até ingênua!

Bem adequadas aos tempos coléricos e extremistas que estamos vivenciando…

armandinho_pontodevista.jpg
Fonte: Armandinho.

Claro que cada um tem a liberdade de escolher as referências e pontos de vista que nortearão suas opiniões! Mas podemos lamentar, não é?

P.S. Não, eu não estava de férias, foi corre-corre mesmo…

Uma questão de semântica

Existem palavras que achamos bonitas mas que nem sempre paramos refletir sobre o que realmente significam. Um bom exemplo é a palavra “semântica”: todos nós sabemos qual é a sua definição segundo os dicionários:

Semântica (substantivo feminino)
Parte da linguística que se dedica ao estudo do significado das palavras e da interpretação das frases ou dos enunciados.

(Dicio, Dicionário Online de Português)

Mas que tal um exemplo?

mentirinhas_divide_conquer.jpg
Fonte: Mentirinhas.

Achei que esse seria um bom complemento para a reflexão que propus há um tempo atrás… Afinal, follow-up está na moda!

Tempos polarizados

O mundo anda cada dia mais extremista! Tanto que, quando alguém ingenuamente tenta intermediar uma discussão para ajudar os participantes a chegarem a um meio termo (ou pelo menos respeitarem a opinião do outro), normalmente é atacado por aqueles que antes discutiam…

E ainda tem aqueles que chamam o ingênuo de “cinzentão”…