Quem sabe, faz?

Quando eu ainda estava na faculdade, um professor comentou que um dos erros mais comuns nas empresas era reduzir investimentos em pesquisa e desenvolvimento (P&D) em épocas de crise. Justamente nos momentos em que é necessário “pensar fora da caixa”, cortam-se os recursos para isso…

Infelizmente, isso não é exclusividade das empresas, como pode ser observado no relatório da OECD sobre o assunto em 2014. Segundo a edição mais recente (2018), o problema persiste:

Desde 2010, o investimento público em I&D na OCDE como um todo, e em quase todos os países do G7 estagnou ou diminuiu, não só em termos absolutos e relativamente ao produto interno bruto, mas também em termos de percentagem da despesa pública total.

OECD Science Technology and Inovation Outlook 2018

Para piorar, recentemente tivemos notícias de cortes nas verbas destinadas ao Sistema S. Logo aqui, onde não precisamos nem falar de P&D porque o déficit de educação é um problema crônico! Como desenvolver um país em que a educação é relegada a segundo plano, chegando até a ser considerada “despesa” e não “investimento”?

Eu canso de ver pessoas estudadas repetindo o ditado Quem sabe, faz; quem não sabe, ensina e perguntando-se por que os jovens de origem asiática vão mais longe nos estudos e deixam os brasileiros para trás

Continue lendo

Vocação para ensinar

professor2018_parabens.jpg

15 de outubro, Dia do Professor.

Confesso que tinha esquecido que era hoje… Lembrei quando vi o artigo no ZÉducando sobre os esforços de um professor ganense para ensinar aos seus alunos.

Como a escola não tem computadores, o professor Richard Appiah Akoto (que ficou conhecido pelo nome que adota nas redes sociais, Owura Kwadwo), simplesmente desenhou a tela do editor de textos Microsoft Word no quadro de giz para os alunos!

Continue lendo

Você é pedófobo?

crianca_agressiva.jpg

Por falta de tempo, tenho publicado mais cartuns do que texto. Às vezes, porém, um assunto mais profundo vence a correria diária e impõe a necessidade de um texto.

É o caso de um texto que li hoje sobre educação infantil.

Na maior parte do tempo, sou criticado por reclamar que estão dando direitos demais (e obrigações de menos) aos jovens. Às vezes, porém, encontro alguém mais convincente do que eu que concorda comigo, como aconteceu com Rosely Sayão, Lya Luft e Lílian Silva.

Hoje, encontrei o excelente texto a seguir…

Continue lendo

O tempo passa…

O cartum a seguir lembrou-me de umas reflexões que fiz há cerca de dois anos: de todos os envolvidos (pais, filhos e professores) quem é o maior interessado no correto aprendizado? E, na incapacidade deles, quem deve (ou deveria) se responsabilizar por isso?

Continue lendo

Mensagens para o Dia dos Professores 2015

A tirinha traduzida em homenagem ao professor que publiquei ontem teve uma boa quantidade de acessos, mas a maior parte dos acessos de ontem foi buscando por mensagens para o Dia dos professores.

Sendo assim, seguem algumas das melhores mensagens que recebi este ano, para que sejam aproveitadas no ano que vem.

Continue lendo