O fim do mundo já começou?

Leia o trecho abaixo:

Raciocínio lento ou inexistente, movimentos retardados, habilidade de fala comprometida, condições de higiene pessoal repugnantes.

Não estamos falando de apenas uma pessoa, estamos falando da realidade de diversas pessoas.

Na verdade, de milhões de pessoas.

Agora, responda →

O trânsito nas cidades grandes: Patetas ao volante?

Gostei muito do texto de Martha Medeiros sobre o trânsito de Salvador, reproduzido no ZÉducando! Aqui entre nós, é impressionante como nossa cidade só consegue ser “a terceira maior cidade do país” em aspectos negativos – em variedade e qualidade dos serviços prestados, perde para muita “cidadezinha do interior”. Isso, sem falar em bibliotecas, museus, livrarias, teatros, cinemas e espetáculos de qualidade…

Voltando ao assunto, o novo filme da série Missão Impossível serviu de parâmetro em uma comparação inspirada da autora. Talvez por ainda não ter visto o novo filme de Tom Cruise, ao ler o texto lembrei-me imediatamente de um antigo desenho animado da Disney, o curta-metragem Pateta no Trânsito (Motor Mania, no original), de 1950.

No desenho, ao assumir o volante, o Sr. Walker (Sr. Andante, em uma saudosa dublagem antiga), um cidadão paciente e educado, tornava-se o terrível Sr. Wheeler (Sr. Volante, antes da globalização), um motorista grosseiro, impaciente e egoísta, capaz das maiores atrocidades no trânsito:

pateta_motormania.gif

Continue lendo

Literatura de cordel e BBB, tudo a ver!

bbb.jpg

E começou tudo de novo, estreou mais um Big Brother Brasil. Caramba! Já são doze anos! Acho deprimente curioso crianças nascidas a partir de 1998 não terem recordação de um tempo sem esse… programa.

Aproveitando um artigo sobre o assunto no ZÉducando, do meu amigo Zé Rosa, decidi fazer minha “homenagem” e terminei descobrindo um excelente texto do baiano Antonio Barreto.

Não é a primeira vez que escrevo sobre o Big Brother Brasil, mas esse é um dos melhores textos que já encontrei sobre o assunto. Além de professor, poeta e cordelista, Barreto também é um ótimo crítico, dono de uma escrita afiada e de um grande senso de humor…

A seguir, reproduzo o texto (é bem longo, mas vale a pena ser lido!). Depois, algumas observações sobre ele…

Continue lendo

Cursos à distância gratuitos no Serpro

ead.png

Eu não gosto muito do enfoque que têm dado ao Ensino à Distância (EAD). Estão usando-o alternativa ao ensino presencial quando, na minha opinião, deveria complementá-lo.

O EAD também tem seus desafios. Vou citar apenas três:

  • falta de disciplina dos alunos, que confundem “horário flexível” com falta de estudo;
  • dificuldade em identificar os alunos que pensam que compreenderam o assunto, por não haver ainda um substituto à altura do contato visual; e
  • dificuldade em identificar meios desonestos para obtenção de melhor nota (no popular, cola ou pesca).

É a qualidade do ensino que tem deixado a desejar. E, se um curso presencial tem baixa qualidade, não é aumentando a distância entre alunos e professores que ele irá melhorar… O EAD é uma excelente ferramenta, mas creio que seria melhor aproveitado em cursos de extensão ou como ferramenta para enriquecer o processo de ensino-aprendizagem. Nunca como modalidade alternativa para ensinos de graduação… Concordo que, em um país carente de educação como o nosso, todos os esforços são válidos, mas tudo tem limite!

Continue lendo

Será que é possível? (TEDx Salvador)

picasso_dom_quixote.png

Há alguns meses, contratei um fotógrafo para cobrir um evento. Após o evento, minha esposa e eu escolhemos as fotos que compraríamos mas, infelizmente, o fotógrafo, vítima de um sinistro, perdeu os arquivos com todas as fotos tiradas.

Depois de muita discussão, tivemos que nos contentar com a ampliação das provas das fotos (as miniaturas usadas para escolher as fotos a serem reproduzidas). Obviamente, não é a mesma coisa, mas algumas sugestões que dei a ele tiveram um bom resultado.

Continue lendo