O que é aquilo?

pai_e_filho_fundoazul.jpg

Em 2006, fui à minha primeira apresentação de Dia dos Pais no papel de pai.

Emocionado pela música de Fábio Júnior, confesso que não lembro muito do vídeo que foi apresentado… Mas lembro claramente que liguei para meu pai, expliquei onde estava e desejei a ele um feliz dia dos pais.

Ele apenas sorriu e respondeu:

— Obrigado e um feliz dia dos pais para você também, meu filho! Mas você está lembrado que o dia dos pais é no próximo domingo e não hoje, não está?

Se minha memória não falha, ainda era quinta-feira! Esses pais de primeira viagem, tsc, tsc, tsc…

Continue lendo

Smartphones (e dumbusers)

bow_life.png

Os smartphones são ferramentas fantásticas e a cada dia incorporam mais funcionalidades, tornando-se quase indispensáveis à vida moderna.

Talvez, um dia, superadas as barreiras técnicas, tornem-se assistentes pessoais de verdade (como Jarvis, HAL ou mesmo Samantha).

Antes disso, porém, precisamos aprender incorporá-los ao nosso dia a dia com naturalidade (e sem deslumbramento ou vício)…

Continue lendo

Pedagogia televisiva

Sei que essa história da televisão influenciar na educação infantil é muito “anos 80”, mas encontrei esse cartum de Quino no ZÉducando e não resisti:

quino_TV.jpg
Fonte: ZÉducando.

Ah! Se preferir, essa técnica também funciona com tablets ou smartphones

A televisão de Galeano

galeano_livro_dos_abracos.jpg

Ontem faleceu mais um dos grandes nomes da América Latina, Eduardo Hughes Galeano, jornalista e escritor uruguaio.

Em sua memória, seguem algumas de suas reflexões sobre a televisão, retiradas de sua obra “O Livro dos Abraços”:

Continue lendo

Só depende de nós!

urna_bandeira.jpg

Ontem, tivemos mais um conjunto de manifestações contra a corrupção por todo o país. Fiquei feliz em ver que é a segunda manifestação desse porte que ocorre sem notícias de violência nem de vandalismo.

Também acho que a corrupção é um dos maiores, senão o maior mal que aflige nosso país (o outro, na minha opinião, seria a falta de educação, acadêmica e doméstica). Porém, acho que, além de nos manifestarmos, precisamos melhorar a qualidade do nosso voto e, principalmente, combater a corrupção no dia a dia.

Continue lendo