Dia das Mães 2009

white-carnation.jpg

Pretendia escrever alguma coisa para o dia das mães. Talvez uma bonita mensagem em vídeo como minha esposa fez para minha sogra ou, pelo menos, um cravo branco com um cartão escrito “eu te amo”.

Infelizmente, tenho andado tão atarefado que o máximo que consegui foi adaptar a homenagem escrita por Mario Persona:

Ser filho é…

… reconhecer que alguém tornou sua vida possível e se sacrificou para que você viesse a ser o que é.

… lembrar que alguém se alegrou com suas vitórias e chorou com você em suas derrotas.

[…]

… usar um clichê porque não teve tempo de escrever algo digno e esperar que ela entenda.

Desculpe-me, mãe. Sei que é clichê, mas dizem que os clichês existem porque funcionam: eu te amo!

Deixe um comentário: