Depois dizem que Linux é complicado…

surprised.png

Há algum tempo, um amigo meu definiu, no internet Explorer, uma figura como papel de parede do Windows XP.

Ontem, ele estava tendo dificuldade para fazer uma coisa que deveria ser simples: como não lembrava mais onde havia conseguido o papel de parede, queria saber onde, em seu micro, ele estava gravado.

Rapaz… Ele suou!

Começou a procurar na pasta Meus documentos\Minhas figuras, depois em sua “pasta de usuário”, em Documents and Settings. Instantes depois, esbravejou que o Windows parecia esquizofrênico: uma pasta Dados de aplicativos direto em sua “pasta de usuário” e outra em Configurações locais!

Antes que pensem que só ele teve problemas com isso, ele foi ao Google, vejam o que ele encontrou

Pra encurtar, depois de alguns minutos, cansado de procurar nos locais lógicos, apelou para a função Pesquisar do Windows XP, procurando pelo nome do arquivo… Terminou encontrando-o em Documents and Settings\nome-do-usuário\Dados de aplicativos\Microsoft\Internet Explorer.

Para não pensarem que o problema é só do internet Explorer, o Firefox sofre da mesma “doença”. Grava na pasta Documents and Settings\nome-do-usuário\Dados de aplicativos\Mozilla\Firefox.

Mas ficam duas dúvidas:

  1. já que é um arquivo baixado pelo usuário, e é uma figura, por que não gravá-lo em Minhas figuras? Ou em Meus documentos? Ou mesmo em Documents and Settings\nome-de-usuário?
  2. não dizem por aí que o Windows é mais amigável? Por que cada programa, inclusive os fabricados pela própria Microsoft, como o internet Explorer, grava seus arquivos em um local diferente, ao invés de mantê-los no diretório do usuário como é esperado?

Deixe um comentário: